Blog do Osmar Pires

Espaço de discussão sobre questões do (ou da falta do) desenvolvimento sustentável da sociedade brasileira e goiana, em particular. O foco é para abordagens embasadas no "triple bottom line" (economia, sociologia e ecologia), de maneira que se busque a multilateralidade dos aspectos envolvidos.

My Photo
Name:
Location: Goiânia, Goiás, Brazil

É doutor em Ciências Ambientais, mestre em Ecologia, bacharel em Direito, Biologia e Agronomia. É escritor, membro titular da cadeira 29 (patrono: Attílio Corrêa Lima)da Academia Goianiense de Letras (AGnL). É autor dos livros: A verdadeira história do Vaca Brava e outras não menos verídicas.Goiânia: Kelps/UCG,2008. 524 p.; Arborização Urbana & Qualidade de Vida. Goiânia: Kelps/UCG, 2007.312 p.; Perícia Ambiental e Assistência Técnica. 2. ed. Goiânia: Kelps/PUC-GO, 2010. 440 p.; Introdução aos Sistemas de Gestão Ambiental: teoria e prática. Goiânia: Kelps/UCG, 2005. 244 p.; Conversão de Multas Ambientais. Goiânia: Kelps, 2005, 150 p.; e, Uma cidade ecologicamente correta. goiânia: AB, 1996. 224 p. É coautor da obra: TOCHETTO, D. (Org.). Perícia Ambiental Criminal. 3. ed. Campinas, SP: Millennium, 2014. 520 p. Foi Secretário do Meio Ambiente de Goiânia (1993-96); Perito Ambiental do Ministério Público/GO (97-03); e, Presidente da Agência Goiana do Meio Ambiente (2003-06). Recebeu da Academia Goiana de Letras o troféu Goyazes Nelly A.de Almeida no gênero Ensaio em 2007 e da União Brasileira de Escritores/GO o troféu Tiokô de Ecologia.

Monday, July 04, 2016

MICO INTERNACIONAL: AO VIVO, AL JAZEERA HUMILHA FHC QUE CONFESSA O GOLPE CONTRA A DEMOCRACIA BRASILEIRA

Osmar Pires Martins Júnior
Bacharel em Direito, Agronomia e Biologia,
Doutor em C. Ambientais e Mestre em Ecologia pela UFG

Em uma entrevista de dez minutos que foi ao ar dia 02/07/2016, o Repórter Mehdi Hasan da Al Jazeera, importante rede de televisão internacional, desmascarou o golpe contra a presidente Dilma Rousseff, expôs a hipocrisias de FHC e deixou o ex-presidente tucano desnorteado e sem resposta várias vezes.
DEIXA DE CINISMO, SENHOR EX-PRESIDENTE!
A pauta do programa era a situação política no Brasil.
O repórter Hasan começou questionando se a presidenta eleita Dilma Rousseff teria sofrido um golpe:
"Porque para o governo Rousseff o atraso em pagamentos seria um crime, se o senhor cometeu o mesmo ato em 2001, quando foi presidente do Brasil?".
De cara impactado, FHC respondeu, sem jeito:
“Dilma cometeu crime político. Ela manipulou o orçamento fiscal”.
O repórter Hasan manteve o tom:
“O senhor disse crime político. O impeachment é por pedaladas fiscais. Mas o senhor pedalou 300 milhões de dólares ao ano”.
O tucano se embaraçou mais ainda:
"No meu caso, nós nos ajustamos à lei fiscal em alguns milhões de dólares. Agora é diferente, são 20 bilhões de dólares".
O REPÓRTER PEGOU O HIPÓCRITA NO PULO
O repórter Hasan da rede de televisão internacional questionou, sem piedade:
"Não existiria hipocrisia no fato do presidente interino Michel Temer (PMDB) também ser alvo de um pedido de impeachment, e de tanto ele quanto o ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), terem sido citados em delações como beneficiários de propinas?".
FHC respondeu, cada vez mais sem graça:
"Houve oportunismo por parte do PMDB que utilizou dos protestos populares para derrubar uma presidente com base em outros interesses".
E cinicamente, FHC arrematou:
“Eles têm outra razão, diferente da minha, para apoiar o impeachment”.
Indignado com a cara-de-pau do entrevistado, o repórter não deixou por menos:
“Mas o senhor não vê ironia no fato de que eles [do PMDB] lideraram o impeachment?”.
Do lado do entrevistado, a tergiversação:
"A presidente Dilma tinha baixa aceitação popular...".
GOLPE DESMASCARADO
O repórter Hasan questionou o critério tucano da aceitação popular:
"O presidente Temer, que o senhor apoia, também não tem legitimidade, já que uma pesquisa recente mostra que 58% dos brasileiros apoiam a saída do presidente interino".
Silêncio...
Diante das contradições do entrevistado, o repórter Hasan deu o check-mate:
“68% querem Dilma impedida, o mesmo percentual de Temer. Se o senhor quer ouvir o povo, tem de apoiar também o impeachment de Temer pelas mesmas razões!”
UM TUCANO DESINFORMADO
FHC, sem resposta, saiu pela tangente:
"Não tenho conhecimento desta pesquisa que o senhor se refere (sic)".
O jornalista britânico Hasan informou o falso-desinformado:
“Sim, é do Datafolha. O senhor apoia o impeachment de Temer? Sim ou não?".
O tucano gaguejou.
Aí, o repórter mudou o assunto para o escândalo de corrupção na Petrobras.
FHC pensou que "nadaria de braçada" e tentou enveredar pela demagogia da "corrupção no governo do PT"...
O FALSO COMBATE À CORRUPÇÃO
O repórter Hasan, no entanto, não permitiu a demagogia e desmascarou o discurso tucano do falso combate à corrupção:
"O seu próprio governo do PSDB aparece como beneficiário de u$ 100 milhões de propinas e desvios da Petrobrás em 2002".
FHC, enlouquecido, respondeu secamente:
“Não, não, não. É mentira. Eu protesto! É denúncia política".
E partiu para o ataque contra Lula, Dilma e PT:
"Os 'escândalos' corrupção de centenas de milhões de dólares ocorreram 'sob o governo do PT, de Lula e Dilma', e não no meu governo".
GOLPE FATAL NA HIPOCRISIA
Então, o repórter Hasan deu o "golpe" fatal no golpista:
"E o áudio em que Romero Jucá (PMDB) afirma que é necessário tirar Dilma para parar com as investigações da Operação Lava-Jato? Não seria uma prova de que todo o processo é um golpe para proteger a corrupção?".
O cínico e hipócrita FHC respondeu incrivelmente:
“Qual foi o resultado (da conversa de Jucá)? Zero.”
O repórter então anunciou que há sérias acusações de corrupção contra o entrevistado...
EX-AMANTE DE FHC
Diante de um entrevistado tão cara-dura, o repórter do Al Jazeera questionou:
"Em fevereiro deste ano o Ministério da Justiça abriu uma investigação sobre a denúncia de que o senhor usou a Brasif pra pagar mensalidade à sua ex-amante na França. Qual a sua resposta?".
Desnorteado, o hipócrita FHC perdeu de vez a compostura:
“É mentira usada para atacar uma pessoa honesta (sic)”.
Bate-estaca, o repórter perguntou:
“E por que a polícia e o ministro da Justiça investigam isso?”
À essa altura, o entrevistado demonstrou que o senso de realidade tinha ido "pras cucuias":
“Porque o PMDB colocou isso nas mídias sociais... para pressionar o ministro da Justiça.”
Quá, Quá, Quá... Mídias sociais? Pressionar Ministro?
O ÓBVIO NÃO DITO
Obviamente, FHC não declarou ao Al Jazeera que lidera o PSDB em conjunto com o PMDB, para dar o golpe na democracia brasileira e barrar a Lava Jato!
BRASIL EXPOSTO A VEXAME INTERNACIONAL
Veja abaixo o vídeo (legendado) e constate o vexame a que os golpistas expuseram o Brasil no cenário e na opinião pública internacional!
https://www.youtube.com/watch?v=TrD4Yuvqgjs
‪#‎ForaTemer‬ ‪#‎VoltaDilma‬ ‪#‎PlebiscitoJá‬ ‪#‎ConstituinteExclusivaEspecífica‬‪#‎ForaGlobo‬ ‪#‎DemocratizaçãodaMídia‬

Uma entrevista bem diferente das que vemos na grande mídia brasileira. Entrevista conduzida por…

0 Comments:

Post a Comment

<< Home