Blog do Osmar Pires

Espaço de discussão sobre questões do (ou da falta do) desenvolvimento sustentável da sociedade brasileira e goiana, em particular. O foco é para abordagens embasadas no "triple bottom line" (economia, sociologia e ecologia), de maneira que se busque a multilateralidade dos aspectos envolvidos.

My Photo
Name:
Location: Goiânia, Goiás, Brazil

É doutor em Ciências Ambientais, mestre em Ecologia, bacharel em Direito, Biologia e Agronomia. É escritor, membro titular da cadeira 29 (patrono: Attílio Corrêa Lima)da Academia Goianiense de Letras (AGnL). É autor dos livros: A verdadeira história do Vaca Brava e outras não menos verídicas.Goiânia: Kelps/UCG,2008. 524 p.; Arborização Urbana & Qualidade de Vida. Goiânia: Kelps/UCG, 2007.312 p.; Perícia Ambiental e Assistência Técnica. 2. ed. Goiânia: Kelps/PUC-GO, 2010. 440 p.; Introdução aos Sistemas de Gestão Ambiental: teoria e prática. Goiânia: Kelps/UCG, 2005. 244 p.; Conversão de Multas Ambientais. Goiânia: Kelps, 2005, 150 p.; e, Uma cidade ecologicamente correta. goiânia: AB, 1996. 224 p. É coautor da obra: TOCHETTO, D. (Org.). Perícia Ambiental Criminal. 3. ed. Campinas, SP: Millennium, 2014. 520 p. Foi Secretário do Meio Ambiente de Goiânia (1993-96); Perito Ambiental do Ministério Público/GO (97-03); e, Presidente da Agência Goiana do Meio Ambiente (2003-06). Recebeu da Academia Goiana de Letras o troféu Goyazes Nelly A.de Almeida no gênero Ensaio em 2007 e da União Brasileira de Escritores/GO o troféu Tiokô de Ecologia.

Thursday, August 20, 2015

OS GRUPOS MONOPOLISTAS DE MÍDIA REVIVEM GÖEBBELS NO BRASIL

*Osmar Pires Martins Júnior
O Brasil vive a aplicação dos princípios de Joseph Paul Goebbels que criou as condições de comunicação social para o surgimento e caminhada de Hitler rumo ao poder. 
O domínio do Nazismo na Alemanha e na Europa, na década de 1930, produziu o maior horror da humanidade.
A besta fascista cresceu e pretendeu dominar o mundo mediante aplicação de princípios de comunicação social como: 
- repetir uma mentira milhares de vezes até que ela pareça verdadeira; 
- criar uma ideia central que permeia todas as notícias, capaz de catalizar a verdade travestida;
- usar a técnica dos "especialistas" como fiadores desta pretensa verdade produzida; 
- apostar no caos decorrente da mentira apresentada como verdadeira; 
- encontrar um "bode expiatório" e torná-lo culpado pela "crise"; 
- persegui-lo e prendê-lo com muita publicidade de limpeza e saneamento moral; 
- excluir/eliminar todas as pessoas integrantes do segmento social do culpado;
- defender "regras de mercado" em nome da classe média ascendente, como se fosse em defesa dos pobres. 
Agorinha na CBN acabo de ouvir ao vivo a aplicação de alguns destes princípios:
- "O IBGE divulgou o índice médio de desemprego de 7,5%. É O MAIOR ÍNDICE de agosto da série histórica. Tem luz no fim do túnel, Alexandre Schwartsman e Luiz Gustavo Medina?"
- Alexandre Schwartsman: "Não. Este número não reflete a realidade. Na ponta, o desemprego em Recife é 9%".
- Luiz Gustavo Medina: "A situação vai piorar, o pouquinho de luz que vemos vai se apagar".
A técnica, embora sofisticada, é um embuste. O que é uma média?
Ora, se a média é 7,5% e o extremo superior é 9%, então, o menor índice de desemprego é 5% ...
Mas a técnica de Göebbels aposta no número maior para induzir a ideia da piora e do aumento do desemprego.
É fomentar o caos, para prender o "culpado" e promover o retrocesso!
A conjuntura atual permite lembrar uma clássica propositura de Karl Marx, segundo o qual os fatos e os personagens caricatos da história surgem primeiro como tragédia e depois como farsa.
Os farsantes brasileiros seriam capazes que ressuscitar a besta fascista? 
_____
*Osmar Pires Martins Júnior é escritor titular da cadeira 29 da Academia Goianiense de Letras

0 Comments:

Post a Comment

<< Home